Ausência, de Flavia Cristina Simonelli

Título: Ausência
Autor: Flavia Cristina Simonelli
Gênero: Romance
Páginas: 278
Editora: Novo Século
Onde comprar: Amazon  Saraiva  Livraria da Travessa

No romance “Ausência”, de Flavia Cristina Simonelli, conhecemos Ervin de Apolinário, um renomado professor universitário de literatura que, subitamente, no meio de uma palestra, esquece-se do que ia falar e simplesmente não sabe como continuar a encadear suas ideias.

Este é o primeiro momento de dificuldades do já idoso professor, que aos poucos começa a encontrar outras dificuldades: além de novos lapsos de memória, passa a se perder em caminhos conhecidos e ter surtos de agressividade. A mudança no comportamento e as frequentes confusões chegam a irritar sua esposa, Margarida.

Quando a situação começa a ficar preocupante, a família busca ajuda médica, e é neste momento que os caminhos se cruzam com o jovem médico Daniel. O neuropsiquiatra diagnostica o professor com a Doença de Alzheimer e passa a acompanhar o caso de perto. O que o médico nem imagina é que este encontro mudaria sua vida para sempre.

Ausência: um médico dividido

O livro trabalha diversas questões importantes, que permeiam toda a trama. Em primeiro lugar, a Doença de Alzheimer, que afeta cada vez mais idosos e ainda não tem cura. A obra traz bastante informações sobre este aspecto, e acaba sendo uma fonte rica de detalhes sobre a doença e sua evolução – tanto que “Ausência” leva o selo da Abraz – Associação Brasileira de Alzheimer.

Por outro lado, o que se vê são diversas lutas internas do médico. Seu novo paciente desperta traumas antigos, já que sua avó também teve Alzheimer. Depois de uma infância marcada pela doença, o que o teria estimulado a fazer carreira na medicina, é hora de enfrentar um monstro do passado… Um monstro que não pode ser vencido por completo.

Além disso, ele sente-se extremamente atraído e envolve-se com Natasha, a filha de Ervin. Os conflitos colocam em xeque os lados profissionais e pessoas de Daniel. Enquanto tenta atender, da melhor forma possível, o paciente e sua família, ele luta para manter seu próprio casamento e impedir que seus medos pessoais interfiram em sua estabilidade emocional e em seu trabalho como médico. Ausência consegue o mérito de casar o entretenimento do romance com a conscientização sobre a Doença de Alzheimer.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba direto no seu e-mail os melhores conteúdos do site e... 
CUPONS DE DESCONTO
das principais livrarias
QUERO RECEBER