Estudantes com dislexia compreendem melhor lendo em e-readers, diz pesquisa

A dislexia é um transtorno de aprendizagem de origem neurobiológica – que não tem nada a ver com “preguiça” ou simples distração, como muita gente, equivocadamente, pensa. Ela dificulta o reconhecimento e a decodificação de letras e palavras, e por isso, complica o aprendizado e o desenvolvimento da leitura e da escrita. Estudantes com dislexia passam por muitos desafios, desde se manterem atentos e concentrados até a dificuldade de copiar textos.

A boa notícia é que a tecnologia pode ser uma aliada para ajudar esses jovens leitores, principalmente em idade escolar. Os e-readers (sim, aqueles mesmos, que você ainda olha meio desconfiado, enquanto permanece apegado aos seus livros físicos) podem ajudar muita gente a ler e aprender mais!

–> (leia também: 6 Motivos para Não Abandonar o Livro Impresso)

A pesquisa foi realizada pela equipe de Matthew Schneps, do departamento de educação científica do Centro Harvard-Smithsonian de Astrofísica, nos Estados Unidos, e envolveu 100 estudantes com dislexia. Os pesquisadores avaliaram a diferença entre a leitura em papel e em dispositivos digitais.

Flexibilidade dos e-readers X dislexia

O estudo comparou a velocidade de leitura e a compreensão dos estudantes com dislexia ao lerem textos no papel e em iPods Touch. A grande sacada da pesquisa é que os e-readers estavam configurados de uma forma especial: mostravam de duas a três palavras por linha – em letras grandes.

A conclusão foi de que  1/3 dos adolescentes mostraram significativa melhora da compreensão do texto e na velocidade de leitura – principalmente aqueles com mais dificuldade de atenção visual e problemas em captar os sons das palavras.

Ficou claro, para os cientistas, que o grande trunfo do e-reader é a sua flexibilidade, ou seja, a possibilidade de alterar a fonte em formato e tamanho. Se essas configurações flexíveis já ajudam bastante quem lê e compreende sem dificuldades (colocar as letras grandonas para ler melhor, quem nunca?) imagina para esses estudantes!

*via Folha de São Paulo

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba direto no seu e-mail os melhores conteúdos do site e... 
CUPONS DE DESCONTO
das principais livrarias
QUERO RECEBER